quarta-feira, 15 de abril de 2009

Cristiano Mascaro na Cultura dia 18/04

São Paulo (SP), 1983
Cristiano Mascaro

Cristiano Mascaro é tema de documentário na Cultura
Série Grandes Personagens Brasileiros resgata a história do consagrado fotógrafo

Um dos grandes mestres da fotografia, conhecido por suas fotos em preto e branco, Cristiano Mascaro tem sua história retratada no documentário inédito Mascarianas, da nova série Grandes Personagens Brasileiros, que a TV Cultura exibe neste sábado (18/4), às 21h40.
Com direção de Caru Alves de Souza e produzido pela Tangerina Entretenimento, o documentário acompanha o processo criativo de Mascaro, desde a escolha da câmera até a revelação das fotos. Também exibe depoimentos importantes como o do arquiteto Paulo Mendes da Rocha, do designer Ricardo Otake, dos fotógrafos Thomaz Farkas, Tuca Vieira e Rochelle Costi, e da galerista Nara Roesler.

Nascido em Catanduva e criado em São Paulo, Cristiano Mascaro, desde pequeno aprendeu a observar a cidade. Arquiteto formado pela FAU/USP —, na qual dirigiu entre 1974 e 1988 o laboratório de recursos áudio-visuais —, vem se destacando por sua produção fotográfica com temas urbanos. Ao longo de mais de três décadas, registrou com suas lentes as profundas transformações da capital paulistana.
Torrinha (SP), 1999
Cristiano Mascaro

Mascaro iniciou sua carreira fotográfica na revista Veja em 1968, nela permanecendo nos quatro anos seguintes. Atua, desde então, de forma independente. É ainda autor dos livros Cristiano Mascaro: As melhores fotos (1989) e Luzes da cidade (1996). Vale a pena dar uma olhada em Feito e Desfeito da coleção, Educação do Olhar (Bei Editora), que aborda a obra de Cristiano Mascaro sob seu próprio olhar e traz uma reflexão do fotógrafo sobre seu ofício. O título do livro, retirado de um ensaio do crítico literário Antonio Candido, representa, para Mascaro, a essência da fotografia: “desfazer o confuso emaranhado da realidade e – ao conceder perenidade ao instante impreciso e fugidio – refazê-la melhor”.

Rua Carlos de Souza Nazaré, São Paulo (SP), 2003
Cristiano Mascaro

quer saber mais sobre ele, clique aqui e aqui.

Sobre a coleção Educação do Olhar:
O objetivo dessa coleção é conduzir o leitor não-iniciado à descoberta da linguagem subjetiva da arquitetura, das artes plásticas, do cinema e da fotografia. “Aprender a ver” significa desenvolver o olhar crítico e a compreensão das obras dos grandes nomes dessas áreas. Cada título é dedicado a um artista e apresenta o processo pelo qual ele se educou: suas influências, história e experiências. As imagens são parte fundamental desse aprendizado – por isso, os textos são sempre acompanhados de registros feitos por fotógrafos renomados. Assim, mais da metade das páginas é dedicada às imagens das obras do artista enfocado ou das suas influências. O formato inusitado dos livros, que se abrem em quatro partes, com o texto situando-se entre dois cadernos de fotos, é outro estímulo à participação do leitor nesse processo de descobertas, permitindo uma visualização clara da evolução do artista. Vindos de diferentes personalidades e de áreas de atuação distintas, os conceitos e idéias apresentados pela coleção serão por vezes complementares e por vezes conflitantes — uma multiplicidade de pontos de vista que contribui para a construção de um olhar crítico, informado e atuante.
Postar um comentário

Postagens populares